segunda-feira, 18 de maio de 2009

Chaveirinho


A entrevista de Rubens Bordini a Zero Hora de hoje apresenta algumas curiosidades. A primeira, quando ele confirma que mandou um motorista da campanha buscar uma mochila com brindes da academia de Paulo Feijó. Não é estranho que, no meio da loucura que é uma campanha eleitoral, o tesoureiro mandasse um motorista buscar uma mochila com meia-dúzia de agendas e squeezes?

Outra curiosidade: Bordini confirma que recebeu e-mail de Paulo Feijó fazendo referência a doação de R$ 25 mil, mas que não tomou conhecimento. Qualquer pessoa que já trabalhou na tesouraria de uma campanha eleitoral sabe que nenhum centavo é desprezado, imagina R$ 25 mil.

Nenhum comentário: