quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Bobinha?


A governadora Yeda Crusius está, literalmente, se fazendo de boba ao afirmar que não sabe por que o Ministério Público Federal ingressou com uma ação por improbidade administrativa contra ela e mais oito pessoas. Por conta do sigilo judicial que cobre às investigações da Operação Rodin, os procuradores da República não entraram em detalhes, mas afirmaram com todas as letras que os réus são acusados de receber propina, operar esquema para fraudar os cofres públicos ou intermediar propina. Mais claro impossível: a governadora está sendo acusada de, pelo menos, um destes delitos.

Encarnando o papel de dama ofendida, Yeda, agora, promete fazer queixa dos procuradores gaúchos ao Conselho Superior do Ministério Público Federal. Deveria, ao invés disso, procurar um novo advogado.

Nenhum comentário: