terça-feira, 7 de julho de 2009

Cada um no seu quadrado

O Ministério Público Federal virou o alvo preferido das forças contrárias à CPI da Corrupção. Uns dizem que o MPF já está fazendo a investigação, portanto a CPI é desnecessária; outros cobram que o órgão se manifeste sobre a apuração para por fim às especulações vinculam dirigentes que fizeram ou fazem parte do primeiro escalão do Palácio Piratini com um conjunto de cimes cometidos contra o Estado.

A verdade nua e crua é que o MPF está fazendo o seu trabalho com a seriedade que lhe é característica. Quem não está cumprindo a sua função é o Poder Legislativo. Ao barrar a instalação da CPI, os deputados que se recusam a assinar o requerimento se tornam coniventes de réus confessos e contribuem para que a Assembléia Legislativa seja uma das instituições menos confiáveis aos olhos da população, conforme atesta recente pesquisa de opinião.

Nenhum comentário: