segunda-feira, 13 de julho de 2009

Loucademia de Política I

Procura-se....

Incrédulo, o povo gaúcho quer saber a identidade do autor da última brilhante estratégia
usada pelos inquilinos do Palácio Piratini para se livrarem de denúncias de corrupção. Na última sexta-feira (10), o Rio Grande foi surpreendido por uma jogada de mestre: alguém forjou uma carta do ex-coordenador da campanha de Yeda Crusius, negando o conteúdo do depoimento prestado ao Ministério Público Federal e publicado pelo jornal Zero Hora.

Inacreditavelmente, a falsa missiva foi distribuída à imprensa dentro próprio Palácio Piratini. Não se sabe ainda por que a tramóia não resistiu dois segundos: foi desmentida, imediatamente, por Lair Ferst e seu advogado.

Nenhum comentário: