sexta-feira, 31 de julho de 2009

A pauta da semana


Com o fim do recesso parlamentar, um dos assuntos que deve pautar os debates no plenário é o depoimento prestado pelo ex-presidente do Detran à Polícia Federal e ao Ministério Público.

Sabe-se que Sérgio Buchmann acrescentou novos fatos sobre o conjunto de irregularidades constatadas na autarquia e revelou que o ex-marido da governadora, Carlos Crusius, demonstrava um interesse não protocolar pelos contratos mantidos pelo Detran.

O conteúdo das revelações é grave - ao concluir sua fala Buchmann, inclusive, rasgou e queimou a papelada onde estava o resumo das informações - e pode determinar a abertura de uma nova investigação da PF no Detran, o que será analisado na próxima semana.

Outra instituição que manifestou interesse pelo depoimento de Buchmann foi o Ministério Público de Contas. O procurador geral do MPC, Geraldo da Camino, quer saber o que o ex-presidente do Detran falou sobre o contrato e a dívida com a Atento Service e solicitou ao superintendente da PF, Ildo Gasparetto, cópia da degravação do depoimento de Buchmann.

Nenhum comentário: