quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Zulke quer participar da comissão do impeachment


O deputado Ronaldo Zulke (PT) revelou que se colocou à disposição da bancada petista para ser um dos cinco representantes do partido na comissão especial de 30 parlamentares que analisará o pedido de impeachment da governadora Yeda Crusius. Mesmo não sendo titular nem suplente da CPI na Corrupção, Zulke tem comparecido às sessões e se diz estarrecido com o que tem presenciado. "Eu não participei da CPI do Detran, então a minha surpresa com o teor destas gravações talvez seja maior do que a de outros colegas. Estou chocado. Nunca tinha ouvido algo tão comprometedor envolvendo um governador gaúcho", avaliou o deputado após a reunião desta quinta-feira.

Nenhum comentário: