segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Governistas negam depoimento de Lemos e Bordini


Vice-presidente da CPI da Corrupção, Gilberto Capoani, vota contra o próprio requerimento

Depois de duas horas de discussão, os deputados do PMDB, PP, PSDB, PTB e PPS rejeitaram o requerimento para a convocação do presidente do Barisul, Fernando Lemos, apresentado pelo vice-presidente da comissão inquérito, Gilberto Capoani (PMDB), que também votou contra a proposta. Os mesmos parlamentares também recusaram a convocação de Rubens Bordini, vice-presidente da instituição.

Na semana passada, os deputados Daniel Bordignon (PT) e Paulo Azeredo (PDT), denunciaram que o Banrisul concedeu empréstimo irregular à empresa Alliance One Brasil, que teria doado R$ 200 mil à campanha da governadora ao Piratini.

Segundo conversa entre Lair Ferst e Marcelo Cavalcante, interceptada pela Polícia Federal, Bordini, que atuou como tesoureiro na campanha de Yeda Crusius, foi responsável por receber o dinheiro da fumageira, que teria sido repassado para Walna Villarins Meneses, ex-assessora especial da governadora.

Nenhum comentário: