quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Inspeção extraordinária na compra dos móveis deve ser aprovada plo TCE


Está na pauta de hoje da reunião do pleno do Tribunal de Contas do Estado o pedido do procurador Geraldo Da Camino da ralização de uma inspeção extraordinária nas compras feitas para a casa da governadora Yeda Crusius e pagas com dinheiro público.

A medida deve ser aprovada.

Em depoimento a CPI da Corrupção, o chefe da Contadoria e Auditoria Geral do Estado, Roberval Silveira Marques, admitiu que não sabia que os móveis infantis, o pufe verde kiwi e outros objetos que foram comprados pela Casa Civil eram para a casa da governadora.

Um comentário:

Teresinha Carpes disse...

Dá náuseas,na gente da impunidade que reina nesta republiqueta dos guascas gaúchos de botas e espora e o ..de fora!As provas estão caindo de maduras,e as "otoridades",empurram prá baixo do tapete!danou-se...