quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Depoimento de Feijó reforça denúncias de Ferst e explica ameaça de Vaz Netto



Em entrevista coletiva concedida logo após o encerramento da CPI da Corrupção, a presidenta Stela Farias (PT), considerou o teor do depoimento do vice-governador ao MPF, cujo trecho foi exibido no plenarinho, “muito grave”. Stela chamou atenção para o fato do relato de Paulo Feijó reforçar o conteúdo do depoimento de outros implicados, como o do empresário Lair Ferst e do ex-presidente do Detran Flavio Vaz Netto. Em conversa com Marcelo Cavalcante, Lair comentou que Carlos Crusius estaria levando para casa dinheiro doado à campanha do PSDB ao governo do Estado. Já Flávio Vaz Netto, irritado com a CPI do Detran, ameaçou entregar a governadora.

2 comentários:

Vanderlei Prochnow disse...

Basta! Está na hora do povo ir para as ruas exigir a saída destes assaltantes. Estes deputados da base governista que estão criando todo o tipo de dificuldades para a apuração dos fatos têm que ser responsabilizados por crime de prevaricação. Como pode a justiça com todos estes fatos já divulgados manter esta gente no governo. Em qualquer repartição pública, por muito menos os funcionários são afastados de seus cargos.
A indignação é muito grande. Quando penso nas pessoas que tiveram que fazer imensos sacrifícios para pagar a Carteira de Habilitação no Detran - muitas vezes para atender exigências para conseguir um emprego - e que indiretamente contribuiram para que a "Chefe da Gangue", a "Mãe", o "Casal", comprassem sua mansão.
Espero que o povo gaúcho, não a elite, de uma resposta nas urnas a esses safados.

Carlos Arruda disse...

O pessoal, a desgovernada agora tem um blog. Vejam só:

http://www.blogdayeda.com/